O processo de gestão de uma empresa não é uma tarefa fácil, para auxiliar os gestores a estarem sempre dentro da legalidade, existem profissionais que auditam os processos e relatam os acontecimentos por meio do relatório de auditoria.

A auditoria tem como principal objetivo verificar os processos, apontando quais os setores que precisam de mudanças, avaliar possíveis riscos e garantir a seguridade das informações presentes nas demonstrações contábeis e financeiras.

Para que essa atividade alcance seus objetivos, ela precisa mostrar aos interessados o que foi avaliado. Por isso, neste post, trouxemos as principais informações sobre relatório de auditoria.

Aprecia a leitura e confira!

O que é um relatório de auditoria?

O relatório de auditoria é a ferramenta que o auditor utiliza para demonstrar os erros encontrados, as evidências analisadas e recomendar as ações preventivas ou corretivas para os processos da empresa. Esse relatório deverá ser redigido de forma imparcial e objetiva e entregue ao responsável pela solicitação, assim como a quem ele autorizar.

Normalmente, as empresas o utilizam como informativo para os conselhos administrativos e fiscais. Vale salientar que o auditor deve priorizar a ética profissional, garantindo a confidencialidade do conteúdo da auditoria.

O que deve constar no relatório de auditoria?

Em meados de 2016, o Conselho Federal de Contabilidade propôs modificações nas NBC TA 700 e 706, surgindo a NBC TA 701 que regula a forma como ocorrerá a comunicação das informações oriundas da auditoria. Essas modificações trouxeram informações mais detalhadas por parte do auditor, dessa forma, possibilitando um maior entendimento por parte dos gestores.

Nesse relatório, devem constar todos os fatos verificados e analisados, fazendo jus ao procedimento nomeado como papéis de trabalho. Essa etapa constitui o registro dos fatos por meio dos documentos, podendo ser físicos ou eletrônicos. Esse procedimento dá embasamento para as evidências que deverão constar no relatório.

Outro item que faz parte da formulação do relatório de auditoria são as demonstrações de cálculos. Muitas vezes, os fatos não podem ser observados de forma direta, necessitando cálculos comparativos que confirmem a veracidade dos erros apresentados.

Por fim, surgem as observações e sugestões. Nessa fase, o auditor fará menções aos procedimentos auditados, montando suas críticas e sugerindo modificações nos processos internos do empreendimento. Para que esses apontamentos sejam feitos de forma idônea e assertiva, eles são embasados em normas legais e regimentos internos.

Outra questão importante que deve ser analisada é não confundir a auditoria com a consultoria. A primeira vem para averiguar os processos e realizar os apontamentos, já a consultoria traça planos de ações para o melhor desenvolvimento das atividades e o acompanhamento dos resultados.

Quais são os tipos de relatórios de auditoria?

No meio corporativo, as informações precisam estar alinhadas conforme a necessidade de cada usuário. Existem fatores que só são importantes para a alta diretoria, outros precisam ser de conhecimento setorial. Por esse motivo, o relatório de auditoria classifica-se de em diferentes tipos:

  • relatório sintético — aquele que informa todos os pontos importantes de forma rápida e objetiva;
  • relatório analítico — detalhado, geralmente direcionados aos colaboradores e executores das tarefas e, por esse motivo, deve ter uma comunicação simples e clara;
  • relatório especial — normalmente utilizado para relatar informações confidenciais;
  • relatório parcial — são apontadas informações que devem ser informadas imediatamente aos responsáveis;
  • relatório verbal — nesse caso, o auditor apresenta verbalmente as informações analisadas e os apontamentos realizados.

A Lei 11.638/07 determina que empresas consideradas de grande porte devem contratar auditoria externa para auditar suas demonstrações contábeis financeiras. Contudo, as empresas optantes pelo MEI e as de pequeno porte não são obrigadas a passar pelo processo.

Como o principal objetivo de qualquer empreendedor é o crescimento empresarial, é necessário pensar no futuro, entendendo desde já o que é o relatório de auditoria e por que sua empresa poderá passar por essa etapa futuramente.

Mesmo se sua empresa for obrigada a esse processo, contratar uma contabilidade online que realize auditoria interna pode ser determinante para o sucesso do seu empreendimento, pois ela será capaz de apontar melhorias nos processos internos.

Agora que você sabe o que é o relatório de auditoria, entre em contato conosco. Somos o suporte que sua empresa precisa para potencializar seu empreendimento!


Escreva um comentário

Share This